top of page
Buscar
  • Foto do escritorOniom Solar

Comparação: Investimento em energia solar x outras modalidades de investimento

Matéria do Portal Solar


O investimento em energia solar conta com diversas possibilidades de retorno financeiro. A possibilidade de reduzir em até 95% o valor da conta de luz e contar com um retorno garantido são algumas das principais vantagens que têm atraído investidores e consumidores para o mercado de energia solar.

Porém, por que apostar em energia solar em relação à outras modalidades de investimento?


Confira abaixo a comparação entre Energia Solar x Poupança:


A poupança é conhecida por ser um dos métodos de investimento mais seguros e práticos, deixando qualquer quantia disponível sempre que o investidor desejar retirá-la.

Apesar disso, ela não é conhecida por gerar lucros exorbitantes em curto e médio prazo, sendo uma escolha bastante conservadora para a maioria dos investidores.


Os rendimentos da poupança estão diretamente atrelados à inflação no País. Por isso, por vezes, pode até parecer que você está ganhando dinheiro, mas, na verdade, está perdendo poder de compra.


O cálculo da poupança é feito com base na Selic, a taxa de juros básica. Se essa for menor ou igual a 8,5% ao ano, a poupança renderá 70% da Selic.


Nesse sentido, investimentos como o tesouro direto, títulos de capitalização e até mesmo o investimento em painéis de geração de energia solar fazem mais sentido para aqueles investidores que desejam um retorno mais consistente para suas aplicações.


Economia

O principal motivo que levou a maioria dos brasileiros a apostarem na energia solar é a economia na conta de luz. Ao procurar uma empresa especializa em energia solar, o time técnico/comercial irá projetar, com base no seu consumo e nas condições climáticas do local, um sistema que consiga produzir toda a energia que você consome no mês em sua casa ou empresa.

Com esse projeto e de acordo com as regras do segmento de geração distribuída, o seu sistema fará com que você deixe de consumir a energia da rede da distribuidora. A partir daí sua economia pode chegar até 95% na conta todos os meses. O retorno só não atinge 100% devido a taxa de disponibilidade e uso da rede, que precisa ser pagar, assim como todos os outros consumidores de energia.

Essa economia pode durar até 25 anos de vida útil do sistema.

Proteção

Outra grande vantagem econômica que a instalação de energia solar traz para uma casa ou empresa é a proteção contra a inflação energética.

Com a crise que se instaurou no setor elétrico do Brasil, os preços da energia sobem a índices mais altos que o da própria inflação oficial, o IPCA.

De acordo com uma pesquisa do instituto Ilumina, a inflação no preço da energia elétrica entre 1995 a 2015 foi 50% maior que a do IPCA no mesmo período. Esse é um problema que irá persistir pelos próximos anos para quem ainda não tem energia solar.

A situação crítica dos reservatórios que obrigou o acionamento de usinas termelétricas, com um custo alto, somada aos erros de gestão de governos passados, geram gastos e dívidas que serão pagos pelos brasileiros por meio de novos aumentos na conta de luz. E essa preocupação não existe mais para o consumidor de energia elétrica gerada por placas solares fotovoltaicas.

Valorização

Na hora de comprar uma casa hoje se uma das opções apresentadas fosse com a geração da própria energia, qual delas as pessoas escolheriam? Certamente a que contasse com a energia solar, pelo custo-benefício e pela sustentabilidade. Essa é a razão pela qual a instalação de um sistema de energia solar residencial valoriza imediatamente uma casa.

Essa hipótese inclusive é comprovada em um estudo do Laboratório Nacional Lawrence Berkeley, no estado americano da Califórnia, mostrando que as pessoas estariam dispostas a pagar 15 mil dólares a mais por uma casa com placas solares instaladas do que uma sem.


Tempo de retorno do investimento em energia solar

Ao contrário de muitos bens, como carro, por exemplo, a compra de um sistema de energia solar não é apenas um gasto, mas um investimento, que o consumidor pode reaver em até dez vezes o valor investido no sistema. Isso porque ao instalar o sistema, o na conta de luz já começa a valer, ou seja, um valor que está retornando.

Esse retorno continuará todo mês durante os mais de 25 anos de vida útil do sistema, um prazo muito maior do que você precisa para quitá-lo, mesmo que seja um financiamento de 5 anos.

A média do tempo de retorno do investimento para sistemas residenciais no Brasil é de 3 anos. Nesse caso são 22 restantes de energia grátis.

26 visualizações0 comentário
bottom of page